fund1

O Movimento Guidista nasceu em Inglaterra no ano de 1910, dois anos após Lord Robert Baden-Powell (BP) ter formado a Associação de Escuteiros, para rapazes.

A sua origem deveu-se à iniciativa de um grupo de raparigas que, em 1909, mostrando vontade em participar nas actividades escutistas, se fardou como os rapazes e apareceu de surpresa no Rally do Palácio de Cristal de Londres, organizado pelos escuteiros, proclamando-se raparigas escuteiras.

BP, admirado com a sua presença, mas animado com a ideia, resolveu criar, com a ajuda da sua irmã Agnes, um Movimento destinado a raparigas, ao qual deu o nome de GUIAS. Para tal, inspirou-se no famoso corpo de soldados das montanhas da Índia, conhecido por aquele nome, que se distinguia pela sua coragem e capacidade de ultrapassar obstáculos e pela sua disponibilidade em ajudar os outros.

Mais tarde, foi a sua mulher, Olave Baden-Powell, que desenvolveu o espírito do Movimento Guidista e o promoveu por todo o mundo. A sua enorme dedicação foi reconhecida em 1918 com a entrega da mais alta condecoração do Guidismo inglês, o “Gold Fish”, e com a eleição, em 1930, para o cargo de Chefe Mundial das Guias – distinções que, até hoje, se atribuíram somente a ela.

Partilhar esta notícia

Queres Ser Guia?

Formulário Queres Ser Guia

O Que Está A Acontecer
WAGGGS

wagggs

Av. Miguel Bombarda Nº 128, R/C Esq. 1050-167 Lisboa   |   Tel.: 217 938 227   |   Fax: 217 938 228   | 
Direitos de autor © 2017 Associação Guias de Portugal. Todos os direitos reservados.